Repúdio à agressão a docentes em Hotel de Brasília, durante 64º Conad

0
381

A Diretoria Nacional do Andes-SN divulgou nesta terça-feira, 30/7, uma Nota de Repúdio aos ataques sofridos por integrantes do Sindicato, entre eles a 1ª Tesoureira da Regional Rio e professora do CAp/Uerj, Rosineide Freitas e a Vice-Presidente da Asduerj, professora Deborah Fontenelle, além do 1º Secretário da Regional Rio e professor da Uenf, Dan Gabriel D’Onofre.

Os docentes, que participavam da delegação do 64º Conad, que se realizou entre os dias 11 e 14 de julho em Brasília, foram vítimas de agressão no Hotel St. Paul, por simpatizante do Presidente da República, Jair Bolsonaro, após serem identificados como sindicalistas. A Nota destaca ainda que entre as vítimas da agressão há uma professora negra e um professor homossexual.

No nota, o Andes-SN repudia tanto o ataque do hóspede, como a negligência por parte da gestão do Hotel St. Paul, “reforçando” que o Sindicato não retrocederá “um passo sequer no combate ao machismo, ao racismo, à LGBTTfobia e às práticas fascistas que se manifestam no seio da sociedade.”

Leia a íntegra da Nota Repúdio Agressao