Vitória! Lei da DE no VB é efetivada

3
1858

Os contracheques de julho dos professores da Uerj que têm Dedicação Exclusiva já registram a remuneração deste Regime de Trabalho no vencimento-base, como determina a Lei 8267/2018.

Conquista histórica do movimento docente, a chamada Lei da DE no VB foi aprovada em dezembro do ano passado na Alerj, após décadas de luta pela implantação da Dedicação Exclusiva como Regime de Trabalho na Uerj, que perpassou diversas gestões da Asduerj.

Com a efetivação da Lei que extingue o Adicional de Dedicação Exclusiva e remunera a DE no vencimento-base, os professores que ingressaram neste Regime de Trabalho e têm direito à paridade na aposentadoria passam agora a ter garantida a inclusão da remuneração da DE nos seus proventos de aposentadoria.

A Dedicação Exclusiva como Regime de Trabalho é uma conquista importante não só para os docentes, mas também para a toda a comunidade universitária. Até então a Uerj, que já ocupava posição de destaque no cenário nacional, era a única grande universidade a não oferecer essa opção de vínculo trabalhista aos seus professores. Os reflexos de sua implantação são evidentes na melhoria da qualidade do ensino, da pesquisa e da extensão. A valorização do trabalho docente que essa conquista traz é portanto uma vitória de toda a universidade.

A concretização dessa vitória num momento em que os direitos dos trabalhadores e as liberdades democráticas sofrem ataques como nunca vistos em nossa história reforça a importância da luta coletiva, dos movimentos sociais, estudantis e da organização dos trabalhadores em seus sindicatos. Só a luta muda a vida!

Saiba mais detalhes em breve.

3 COMENTÁRIOS

  1. Quando os outros adicionais ( ex. triênio) passarão a incidir sobre o salário, no contracheque de Julho isso ainda não ocorre

Comments are closed.