Alerj aprova emendas ao orçamento de 2022 para retorno presencial seguro da Uerj

0
800

A Uerj contará em 2022 com um acréscimo de R$ 200 mil no seu orçamento para garantir as condições de retorno seguro às atividades presenciais. A verba deverá ser destinada às adaptações físicas dos campi aos protocolos de biossegurança, bem como ao fornecimento de equipamentos de proteção individual (EPI) para a comunidade acadêmica.

O montante é resultado de emendas apresentadas pela deputada Dani Monteiro (Psol) ao Projeto de Lei Orçamentária de 2022 (LOA), aprovado nesta quinta-feira, 16/12, na Alerj. No início de novembro, a deputada, que também é aluna da Uerj, se reuniu com o presidente da Asduerj, Guilherme Leite, na sede da entidade. Da conversa, surgiram propostas de emendas que contemplassem melhorias estruturais nos campi da universidade e possibilitassem as garantias para o retorno presencial seguro.

Na ocasião, o presidente da Asduerj defendeu ser necessário que o bom momento nas finanças da Uerj fosse revertido em investimentos na infraestrutura dos campi, e não só na concessão de auxílios. Além das adaptações às condições de biossegurança, o mandato da Deputada Dani Monteiro propôs verbas para a implantação de espaços de desenvolvimento infantil destinados aos filhos e filhas de membros da comunidade universitária. O orçamento da Uerj para 2022 será em torno de 1,4 bi, um dos maiores dos últimos anos.

#ParaTodosVerem: Na foto, um totem com os itens do protocolo de biossegurança do Programa de Retorno Seguro para as Atividades Presencias na Uerj está fixado num dos portões de vidro que dá acesso ao Pavilhão João Lyra Filho, no Campus Francisco Negrão de Lima (Maracanã). Fim da descrição.

Artigo anteriorExcluída do direito ao DE na aposentadoria, docente homenageada pela Uerj diz sentir “o gosto amargo da injustiça”
Próximo artigoReitoria da Uerj suspende atividades presenciais não essenciais até o final de janeiro