Estaduais e Municipais do Andes-SN organizam lutas do setor para 2022

0
148

Representantes de Instituições Estaduais e Municipais de Ensino Superior vinculados ao Andes-SN (IEES/IMES) se reuniram na última sexta, 22/4, e sábado, 23/4, em Brasília (DF).

Na reunião, foram apresentados dados da pesquisa do Sindicato Nacional sobre financiamento dessas instituições de ensino superior e realizado debate com a Assessoria Jurídica Nacional do Andes-SN sobre as leis complementares nº173/2020 e nº191/2022, bem como estratégias jurídicas para garantir isonomia de direitos para os servidores.

Também foi apresentado um painel pelas IEES/IMES sobre as lutas pelo retorno presencial seguro nessas instituições. A professora Daniele Brandt, que representou a Asduerj na reunião, fez um resumo do que se viu nesse painel.

“Ficaram evidentes as desigualdades com relação à atuação dos governos dos diferentes estados no que diz respeito à pressão pelo retorno presencial, assim como as diferentes estratégias de luta e resistência do movimento docente em defesa da universidade e de seus trabalhadores. O ponto em comum foi a falta de investimento por parte dos governantes nestas instituições, que já passavam por um processo de precarização anterior à pandemia”.

No último dia da reunião, foi deliberado o temário da Semana de Lutas das IEES/IMES, entre os dias 23 e 27 de maio, quando será lançada a “Campanha Nacional de Valorização e Defesa das IEES/IMES: Quem conhece defende”. Por fim, a cidade de Londrina foi escolhida como a sede do 18° Encontro Nacional das IEES/IMES, que ocorrerá de 19 a 21 agosto.

A vice-presidente da Regional Rio do Andes-SN e professora da Uerj, Rosineide Freitas, também participou da reunião.

Artigo anteriorEm assembleia histórica, docentes aprovam extinção da Aduezo
Próximo artigoLicença maternidade durante o estágio probatório: GT de Mães Cientistas da Uerj se mobiliza para garantir direito