Nota de repúdio ao Projeto de Lei que propõe a extinção da Uerj

0
1079

Representantes dos três segmentos da Uerj (Asduerj, DCE e Sintuperj) se reuniram de forma remota na tarde desta sexta-feira, 20 de agosto, e de forma conjunta assinaram uma nota de repúdio ao absurdo PL 4373/2021. O PL de autoria do Deputado Anderson Moraes, do PSL, pretende a extinção da nossa Universidade.

Leia a nota na íntegra e compartilhe: Nota de Repúdio ao PL que propõe a extinção da UERJ agosto 21-convertido 



Nota de Repúdio ao PL que propõe a extinção da UERJ

A comunidade da Uerj tomou conhecimento, pelo Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro – Parte II – Poder Legislativo, de ontem, dia 19/08/21, do PL 4373/2021 do Deputado Anderson Moraes do PSL, que pretende a extinção da nossa Universidade. Na verdade, esse deputado, bolsonarista, entrou com o projeto ainda em maio, após ter invadido a Uerj na calada da noite do dia 19 daquele mês. Na ocasião, intimidou seguranças da universidade, ofendendo trabalhadoras, trabalhadores e estudantes e vandalizou uma faixa afixada em manifestação política realizada, pela comunidade acadêmica, durante aquele 19 de maio como parte da luta por vacina para todas e todos, por auxílio emergencial que garanta a vida das famílias trabalhadoras do Brasil e contra a destruição dos serviços públicos, entre eles a Saúde, a Educação e a Ciência!

Ao propor uma lei, que é inconstitucional, o Deputado mostra total desrespeito à nossa Universidade, pioneira na adoção do sistema de cotas, criado na perspectiva da justiça social. Demonstra completa ignorância sobre a Universidade de excelência que somos, em nosso estado, no âmbito da indissociabilidade entre ensino, pesquisa e extensão universitária, presente em 8 campi distribuídos entre a capital e municípios do interior do Rio de Janeiro, atendendo 43 mil estudantes da graduação e pós-graduação lato sensu e stricto sensu. Ignora, também, a importância de nosso Hospital Universitário Pedro Ernesto – o HUPE – no atendimento à população fluminense, mas, também, no desenvolvimento da ciência da saúde em nosso estado e país. Despreza seu papel na luta contra a pandemia atual da Covid-19, tanto no que se refere à vacinação, da qual participa ativamente, mas, também, ao atendimento às vítimas do vírus em seu tratamento imediato e às sequelas do adoecimento, posteriormente. Sua ignorância o faz almejar o fim de uma Universidade de referência nacional e internacional.

Temos certeza que a maioria dos Deputados da Alerj votarão contra o PL, pois não têm acordo com tamanho desrespeito à nossa instituição, sendo que vários deles já estão se posicionando nesse sentido!

As Entidades Representativas de trabalhadores/as e estudantes da Uerj (Asduerj, DCE e Sintuperj) sabem que o trabalho e a ética da nossa universidade a faz inimiga figadal da ignorância, da violência, da mentira, do rebaixamento da política e de seus propagadores. Por isso, não tememos ameaças como a que traz o PL desse Deputado e não deixaremos de lutar contra o governo genocida que ele apoia!

Rio de Janeiro, 20 de agosto de 2021

ASDUERJ DCE SINTUPERJ

Artigo anteriorInscrições abertas até o dia 27 de agosto
Próximo artigoAsduerj se solidariza à luta pela incorporação da Uezo à Uerj