Nota da Asduerj em Solidariedade às vítimas das chuvas no Rio Grande do Sul

0
72

A Asduerj junta-se ao Andes-Sindicato Nacional, às suas seções sindicais, entidades representativas de trabalhadores e estudantes de todo o país, para manifestar sua solidariedade a todas as pessoas afetadas, direta ou indiretamente, pelas fortes chuvas que atingem o estado do Rio Grande do Sul.

Os temporais afetaram 83% dos municípios do estado e já deixaram pelo menos 95 mortos, 128 desaparecidos e 158.992 pessoas desalojadas, segundo dados mais recentes divulgados em portais de notícias.

Aulas foram suspensas sem previsão de retomada em 941 escolas, impactando mais de 300 mil alunos. O mesmo acontece com as atividades na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e no campus da Federal do Rio Grande (FURG) em Santo Antônio da Patrulha.

A população do Rio Grande do Sul está precisando de água, cobertores, alimentos não perecíveis, ração para animais, produtos de limpeza e higiene. A Uerj será um dos pontos de coleta, recebendo doações que serão enviadas para a FAB/Galeão. Os mantimentos devem ser deixados no hall dos elevadores do campus Maracanã.

“Desastre é resultado da lógica de exploração capitalista”, destaca o Andes-SN

Em nota divulgada na última quinta-feira, 2/5, a diretoria do ANDES-SN lembra que, durante o governo de Jair Bolsonaro e Hamilton Mourão, houve cortes significativos de verbas destinadas ao Ministério do Desenvolvimento Regional. E que o governador estadual, Eduardo Leite (PSDB), em seu segundo mandato, também reduziu verbas destinadas à área

“O que vive hoje a população do Rio Grande do Sul é um desastre produzido, resultado da lógica de exploração imposta pelo capitalismo que, além de destruir o ambiente, produz desigualdades que levam as pessoas a situações de absurda vulnerabilidade. Reforçamos nossa solidariedade e instamos as administrações a tomarem medidas que garantam acolhimento e proteção a toda comunidade”, afirma a nota. Leia aqui a íntegra.

Foto: Glivan Rocha/Agência Brasil

Artigo anteriorRecomposição e condições dos substitutos na pauta
Próximo artigoNota da Asduerj em repúdio ao atraso de bolsas, auxílios e salários